Martin Luther King foi pego em adultério na noite anterior ao seu assassinato.
Martin Luther King foi pego em adultério na noite anterior ao seu assassinato.

Alguns sentem tristeza porque perderam entes queridos em situações em que eles estavam agindo errado, temem que eles podem “ter perdido a salvação”, ou “nunca ter sido salvo” pq partiu num contexto de pecado. 

O fato é que até nossas boas obras são trapo de imundície e mesmo que partíssemos no meio de uma obra voluntária, um trabalho cristão, ou uma ação solidária, poderíamos ser condenados sem a fé. Recebemos a salvação pela fé que Deus dá, não por obras. E mesmo se formos pegos com “boca na botija”, Deus pode ter misericórdia de nós.

Na passagem da mulher adúltera, os “mestre da Lei” (similares aos “mestres” da lei hoje que defendem a morte e não a vida – quem lê entenda!), pegaram essa mulher DURANTE o ato pecaminoso, não a pegaram enquanto ela orava pedindo por perdão, em nenhum momento a Bíblia relata ela pedindo perdão, mas para se cumprir a Escritura que diz que Deus tem misericórdia de quem Ele quer ter misericórdia (Rom 9:15), a quem Ele dá a fé por Sua graça (Ef 2:8,9), Jesus perdoou a adúltera e dei a chance de recomeçar, agora regenerada pelo Espírito Santo.

—-
Aí alguns mestres da Lei e fariseus levaram a Jesus uma mulher que tinha sido apanhada em adultério e a obrigaram a ficar de pé no meio de todos.

Eles disseram: —Mestre, esta mulher foi apanhada no ato de adultério.

De acordo com a Lei que Moisés nos deu, as mulheres adúlteras devem ser mortas a pedradas. Mas o senhor, o que é que diz sobre isso?

Eles fizeram essa pergunta para conseguir uma prova contra Jesus, pois queriam acusá-lo. Mas ele se abaixou e começou a escrever no chão com o dedo.

Como eles continuaram a fazer a mesma pergunta, Jesus endireitou o corpo e disse a eles: —Quem de vocês estiver sem pecado, que seja o primeiro a atirar uma pedra nesta mulher!

Depois abaixou-se outra vez e continuou a escrever no chão.

Quando ouviram isso, todos foram embora, um por um, começando pelos mais velhos. Ficaram só Jesus e a mulher, e ela continuou ali, de pé.

Então Jesus endireitou o corpo e disse: —Mulher, onde estão eles? Não ficou ninguém para condenar você?

—Ninguém, senhor! —respondeu ela. Jesus disse: —Pois eu também não condeno você. Vá e não peque mais!

João 8:3-11

Anúncios